Selecione seu local x
Pesquisar meu local atual

Artigos e Receitasver todas as matérias

Hoje é dia do?
em: Datas Especiais
17/12/2014 09:00
Datas comemorativas são sempre aguardadas. Mas, você sabe a origem dos feriados e festas que costumamos celebrar?

Homenagens

Dia das mães: Foi na Grécia antiga a primeira comemoração que se tem notícia. A festa ocorria no ingresso da primavera, em homenagem à Rhea, Mãe dos Deuses. A data que conhecemos foi criada em 26 de abril de 1910, na Virgínia Ocidental, EUA, por iniciativa da norte-americana Anna Jarvis, que queria estender a homenagem que prestava anualmente à sua falecida mãe.
Em 1914, a comemoração se tornou nacional e passou a ser celebrada no segundo domingo de maio. Em pouco tempo, mais de 40 países adotaram a idéia. No Brasil, o primeiro Dia das Mães aconteceu em 12 de maio de 1918 e a oficialização veio em 1932, pelo presidente Getúlio Vargas.
O caráter comercial entristeceu Anna Jarvis, que tentou cancelar a comemoração. Ana morreu em 1948 e nunca teve filhos.

Dia dos pais: A idealizadora foi a norte-americana Sonora Louise Smart Dodd, que em 1909 decidiu homenagear seu pai, o veterano da guerra civil John Bruce Dodd (ou William Jackson Smart, segundo algumas pesquisas), que criou seis filhos sozinho. A primeira comemoração oficial ocorreu em 19 de junho de 1910, aniversário do pai de Sonora. A data difundiu-se por outras localidades, mas somente em 1966 tornou-se nacional por decreto do presidente Lyndon Johnson, que instituiu o terceiro domingo de junho como Dia dos Pais.
Aqui, a celebração chegou em agosto de 1953 por iniciativa do publicitário Sylvio Bhering. Foi alterada para o segundo domingo de agosto por motivação comercial.

Dia dos namorados: No Brasil, costumamos trocar presentes com os parceiros em 12 de junho. A comemoração foi agendada para aquecer as vendas do comércio na época e pela proximidade ao dia de Santo Antônio (13 de junho), considerado casamenteiro.
No resto do mundo, a data é conhecida como dia de São Valentim (Valentine’s Day), bispo que foi decapitado por realizar casamentos em segredo, contrariando ordens do imperador romano Cláudius II, e festejada em 14 de fevereiro.
A versão pagã conta que a celebração origina-se das festas realizadas na mesma época, para o deus Lupercus, protetor da fertilidade e da natureza, e para a deusa do amor Juno.

Dia das crianças: Instituído no Brasil por projeto do deputado federal Galdino do Valle Filho, em 1924, no governo do presidente Arthur Bernardes. A popularização do 12 de outubro se deu em 1960, com a “Semana do Bebê Robusto”, promoção conjunta da fabricante de brinquedos Estrela e da Johnson & Johnson, e outras ações comerciais.

Dia do professor: Origina-se do Decreto Imperial de 15 de outubro de 1827, de D. Pedro I, que instituiu o Ensino Elementar no Brasil. A primeira comemoração só ocorreria em 1947, em São Paulo, no Ginásio Caetano de Campos, por iniciativa dos professores Salomão Becker, Alfredo Gomes, Antônio Pereira e Claudino Busko. Foi oficializado por Decreto Federal de 1963.
Lá fora, a comemoração tem datas diferentes: terça-feira da primeira semana completa de maio nos EUA e 5 de outubro em outros países (World Teacher’s Day, Dia Mundial dos Professores, instituído pela Unesco em 1994).

Dia do trabalho: Manifestações pela redução da jornada de trabalho realizadas em 1o de maio de 1886, em Chicago, EUA, tornaram a data emblemática para os trabalhadores. Com participação de milhares de pessoas, o movimento culminou na morte de policiais e manifestantes. Em 1891, na França, nova tragédia marca o dia com a morte de 10 trabalhadores que reivindicavam melhores condições de trabalho.
Meses depois, a Internacional Socialista de Bruxelas proclama a data Dia Internacional de Reivindicação de Condições Laborais. Em 1919, o senado francês decreta feriado, exemplo seguido por muitos países.
No Brasil, foi instituído em 1925, pelo presidente Artur Bernardes. Desde a Era Vargas (1930-1945), a data começou perder o caráter contestador, transformando-se, aos poucos, em um dia de celebrações.

Dia do índio: Dia de reflexão sobre a importância da preservação dos povos indígenas, o 19 de abril foi criado por decreto do presidente Getúlio Vargas, em 1943. A comemoração, porém, já existia em todo continente americano desde 1940, ano do I Congresso Indigenista Interamericano, realizado no México. O dia marcou a participação de líderes indígenas, até então temerosos com as reais intenções do evento.

Dia da mulher: A lembrança de uma tragédia marca o Dia Internacional da Mulher. Em 8 de março de 1857, tecelãs de Nova Iorque reivindicavam por melhores condições de trabalho. Reprimida com violência, a manifestação acabou com um incêndio que vitimou cerca de 130 operárias. A data foi oficializada em 1975, pela ONU.

Dia da consciência negra: Comemorado em 20 de novembro, foi criado em 2003. A data homenageia Zumbi, líder do Quilombo dos Palmares que morreu em combate em 1693 e se tornou personagem histórico por simbolizar a luta contra a escravidão. Remete à importância da cultura e do povo africano na formação da identidade nacional.

Festas cristãs

Natal: A mais conhecida festa cristã comemora o nascimento de Jesus Cristo, em 25 de dezembro, pela Igreja Católica Romana. A celebração, porém, tem origem em festas pagãs.
Como não há consenso sobre a real data de nascimento de Jesus, conta-se que a Igreja decidiu cristianizar festividades pagãs do solstício de inverno: a comemoração romana do nascimento do “deus sol invencível” e a Saturnália, festival em honra ao deus Saturno, realizado entre 17 e 22 de dezembro com troca de presentes. O dia era tido também como o do nascimento do misterioso deus persa Mitra, o Sol da Virtude.

Páscoa: Já existia séculos antes do nascimento de Cristo, quando tribos pagãs da Europa faziam festivais para celebrar a chegada da primavera. 
Os judeus também realizavam festividades de Páscoa a.C. para comemorar a liberdade conquistada após anos de escravidão pelo Egito. Para os cristãos, a Páscoa simboliza o renascimento de Cristo e sua ascensão ao céu.
É uma festa móvel que comanda a fixação de outras datas. É celebrada no domingo seguinte à primeira lua cheia do equinócio (quando o dia tem a mesma duração da noite) da primavera no Hemisfério Norte. A partir desta data, conta-se 40 dias anteriores para definir a Quarta-Feira de Cinzas e 50 dias posteriores para o Pentecostes (descida do Espírito Santo sobre os apóstolos, segundo a Igreja Católica). Na segunda quinta-feira após a Pentecostes, celebra-se Corpus Christi (Festa do corpo de Deus).

Diversão


Dia da mentira: Conta-se que o 1º de Abril surgiu em 1564, na França, quando o calendário gregoriano estabeleceu que o ano novo – antes comemorado em 25 de março com festas que terminavam no primeiro dia de abril – seria festejado em 1º de janeiro.
A mudança teve resistência de alguns franceses, que mantiveram a tradição antiga, contando o início do ano em 1º de abril. Para ridicularizá-los, muitos passaram a enviar presentes estranhos e convites para falsas festas. Em inglês, a data é chamada de April Fool’s Day, ou Dia dos Tolos.
Na Itália e na França, é conhecida por Pesce D’aprile e Poisson D’avril, que significam “peixe de abril”.

Dia das bruxas ou Halloween: O festejo tem origem em tradições pagãs européias, como a lenda dos druidas – sacerdotes celtas em cerca de 200 a.C. Diziam eles que bruxas, demônios e espíritos dos mortos fazem uma grande festa na noite de 31 de outubro.
Antes temida, a data passou a ser aguardada. Hoje, nos Estados Unidos crianças se fantasiam e saem às ruas pedindo doces. Parte da brincadeira, a frase “trick or treat” significa “travessuras ou gostosuras”, isto é, quem não quiser dar guloseimas para os pequenos será vítima de uma travessura. 
As escolas de inglês trouxeram a comemoração para o Brasil e atualmente muitas festas à fantasia acontecem na noite de 31 de outubro.

Tem dia para tudo
Nem tão badaladas, há datas comemorativas para agradar a gregos e troianos. Conheça algumas:
• 6 de janeiro: Dia da gratidão
• 15 de janeiro: Dia do adulto
• 30 de janeiro: Dia nacional das histórias em quadrinhos
• 10 de fevereiro: Dia do atleta profissional
• 14 de fevereiro: Dia da amizade
• 10 de março: Dia do telefone
• 14 de março: Dia nacional da poesia
• 15 de março: Dia mundial do consumidor
• 02 de abril: Dia internacional do livro infantil
• 07 de abril: Dia do jornalismo
• 23 de abril: Dia de São Jorge
• 28 de abril: Dia da sogra
• 07 de maio: Dia do oftalmologista/Dia do silêncio
• 16 de maio: Dia do gari
• 31 de maio: Dia do comissário de bordo
• 05 de junho: Dia mundial do meio ambiente/Dia da ecologia
• 18 de junho: Dia do químico
• 21 de junho: Dia do imigrante
• 02 de julho: Dia do bombeiro brasileiro
• 10 de julho: Dia da pizza
• 25 de julho: Dia do escritor
• 26 de julho: Dia da vovó
• 15 de agosto: Dia dos solteiros/Dia da informática
• 22 de agosto: Dia do folclore
• 25 de agosto: Dia do soldado/Dia do feirante
• 06 de setembro: Dia do alfaiate
• 09 de setembro: Dia do médico veterinário
• 16 de setembro: Dia mundial da preservação da camada de ozônio
• 21 de setembro: Dia da árvore
• 05 de outubro: Dia mundial dos animais/Dia dos pássaros
• 12 de outubro: Dia do mar
• 18 de outubro: Dia do médico/Dia do estivador/Dia do pintor
• 23 de outubro: Dia da aviação e do aviador
• 08 de novembro: Dia do aposentado
• 22 de novembro: Dia do músico
• 28 de novembro: Dia mundial de ação de graças
• 01 de dezembro: Dia do imigrante
• 08 de dezembro: Dia da justiça
• 20 de dezembro: Dia do mecânico 
x

URL



Redes Sociais

Email

x
Seu nome
Seu email
Comentário