Selecione seu local x
Pesquisar meu local atual

Artigos e Receitasver todas as matérias

Mini-horta em vasos
em: Serviços e Artigos Domésticos
26/01/2015 15:10
Mesmo com pouco espaço é possível fazer uma horta particular e ter em casa seus temperos e chás preferidos sempre à mão.

Para isso, você pode utilizar vasos ou jardineiras com 20 ou 30 cm de profundidade. Forre o fundo deles com uma camada de 3 cm de pedregulhos e complete com terra rica em composto orgânico, como o húmus de minhoca. Em seguida, plante mudas de hortaliças que não tenham raízes muito profundas, como alecrim, manjericão, orégano, manjerona, cebolinha, coentro, hortelã, melissa, erva-doce e tomilho, facilmente encontradas em casas especializadas ou até em supermercados.

+ Às compras

+ Ordem na casa
+ Enxoval

Outra opção é plantar sementes em pequenos vasos e, quando germinarem, replantar as mudas nas jardineiras para que tenham espaço suficiente para crescer. Isto só não deve ser feito com a salsa, que não aceita ser replantada. O fato de estas ervas se adaptarem muito bem em pequenos espaços - o hortelã até acha melhor que suas raízes fiquem amontoadas - permite até que elas nem sejam transferidas para um local maior. Nesse caso, porém, deve-se levar em conta o espaço requerido pelas plantas adultas para definir a quantidade de sementes a ser plantada.


Também é preciso prestar atenção nos diferentes cuidados exigidos pelas ervas ao cultivar várias espécies em um mesmo recipiente. O tomilho, por exemplo, não deve ser plantado com o manjericão, pois prefere um composto mais seco. Avalie ainda, a intensidade e quantidade de luz solar ou de sombra que os vasos ou jardineiras receberão, pois as plantas desenvolvem-se melhor em locais semelhantes ao de suas origens. Entre outras ervas, o manjericão, o coentro e o alecrim apreciam muito sol, enquanto o tomilho e o orégano preferem um lugar semi-sombreado e quente, livre da luz solar direta. A cebolinha, a erva-doce, a melissa, a hortelã e a salsa, por sua vez, preferem locais sombreados ou à meia-sombra.

As descrições abaixo podem auxiliar na escolha das plantas mais adequadas, seja no que se refere ao espaço disponível, seja em relação aos cuidados exigidos. Como o crescimento das plantas varia conforme a área em que são cultivadas, as indicações de altura devem ser encaradas apenas como referência. Em vasos ou jardineiras, as ervas certamente ficarão menores.

Alecrim: Cresce de mudas ou sementes postas a 1,5 cm de profundidade e pode atingir 1,5 m de altura. "Belisque" os galhos para encorpar a planta.

Cebolinha: Espace as plantas em grupos de até seis mudas e procure usar as folhas novas cortadas na base. Para estimular a folhagem, arranque as flores assim que surgirem. Cresce à altura de 20 a 30 cm.

Coentro: Espace as mudas em cerca de 15 cm e regue bem. Atinge de 30 a 40 cm de altura.

Melissa ou erva cidreira verdadeira: Procure semeá-la na primavera e transplantá-la no fim do verão. No inverno, pode-a a 5 cm da base e conserve-a úmida e aquecida. Chega à altura de 45 a 60 cm.

Erva-doce: Semeie em outubro e deixe apenas as mudas mais fortes. No inverno, corte rente à base e ponha o vaso em local seco e fresco até a primavera. Como cresce mais de 1,5 m é necessário o uso de suporte.

Hortelã: Sua reprodução é feita por meio de estacas de galhos, que devem ser plantadas na primavera. A erva morre no inverno, mas volta a nascer na primavera. Pode atingir até 30 cm.

Manjericão: Plante as sementes no outono e, quando as mudas tiverem quatro folhas, apare-as. A fim de deixar a planta mais compacta, "belisque" as extremidades depois que ela atingir 15 cm de altura. Como o manjericão absorve muita água, exige regas constantes. Ao colher as folhas, tenha cuidado para não machucá-las, pois isso pode causar a perda de óleos aromáticos e, conseqüentemente, de seu sabor. Cresce até 50 cm.

Orégano: Semeie em setembro e transplante quando as mudas puderem ser manuseadas. No segundo ano, descarte. Atinge a altura de 30 cm.

Salsa: Após a semeadura, regue o solo com água fervente a fim de acelerar a germinação. As mudas surgem em até seis semanas. Pode chegar a 30 cm de altura.

Tomilho: Plante em outubro e espace as mudas. "Belisque" 5 cm das pontas para tornar a planta espessa. Atinge 50 cm de altura.


Imagem: © teressa - Fotolia.com
x

URL



Redes Sociais

Email

x
Seu nome
Seu email
Comentário