Selecione seu local x
Pesquisar meu local atual

Artigos e Receitasver todas as matérias

As armadilhas que os empreendedores criam para sí mesmos
em: Produtos e Serviços
24/03/2015 09:10
Administrar uma empresa é uma tarefa complicada. São tantos detalhes a serem cuidados que, muitas vezes, os empresários acabam não dando conta. Prova disso é que 30% dos empreendimentos não completam dois anos de existência.

E por que isso acontece? É comum culparmos a concorrência, o mercado, os funcionários e, até mesmo, os sócios incompetentes. Realmente, esses fatores influenciam – e muito – a vida de uma empresa. Mas existe outro problema que pode provocar o insucesso de um negócio: o próprio empresário.

Segundo o especialista em startups (empresas jovens e inovadoras) Fernando Campos, existem algumas armadilhas que tornam o empreendedor a causa do fracasso.

Um dos maiores e mais frequentes erros cometidos é ser parcial com relação às informações que afetam sua empresa. É normal (mas errado) aceitar apenas o que mostra que você está no caminho certo e, por consequência, rejeitar tudo que indique o contrário. Essas, porém, são as informações mais importantes. Afinal, somente analisando e arrumando o que está errado é possível garantir um melhor desempenho do empreendimento.

Outra situação comum foi chamada por Campos de “movimento de manada”. Ela consiste em tomar decisões baseadas no que a maioria das empresas está fazendo. Geralmente as pessoas seguem esse caminho por acreditar que, se tantos outros o fazem, é porque dá certo (o que também pode ser visto como medo do fracasso).

+ A vez do microempreendedor
+ Dicas para lidar com a concorrência
+ Cuidado com os golpes


Porém, o fato de muitos estarem seguindo o mesmo caminho não é garantia de sucesso. Afinal, a constante mudança no mercado pode fazer com que algo considerado inovador hoje perca a graça amanhã. Campos destaca o caso dos clubes de compra coletiva: o sucesso do Groupon e do Peixe Urbano levou ao surgimento de muitas empresas semelhantes – que acabaram fracassando por vários motivos. Hoje em dia, a febre das compras coletivas já baixou e muita gente pensa duas vezes antes de comprar ou vender por esse canal para evitar maiores dores de cabeça.

Nenhum empresário quer admitir que pode ser a fonte do problema. Mas avalie a situação e mantenha os olhos abertos. Ter a humildade para admitir o erro pode mudar o rumo do seu negócio.

Imagem: © Rob hyrons - Fotolia.com
x

URL



Redes Sociais

Email

x
Seu nome
Seu email
Comentário