Selecione seu local x
Pesquisar meu local atual

Artigos e Receitasver todas as matérias

Festas por todo o Brasil
em: Lazer e Cultura
14/04/2015 09:00
Do Oiapoque ao Chuí, festejos populares marcam, há tempos, as culturas locais.
Carnaval
A mais conhecida festa do País acontece de norte a sul quarenta dias antes da Páscoa, com peculiaridades regionais. Mistura de tradições europeias – possivelmente originada de celebrações da Roma antiga – com costumes de uma sociedade multirracial.

Boi-Bumbá/Bumba-meu-Boi/Boi-de-Reis
De tradição portuguesa, a festa do boi, no Brasil, se baseia na lenda folclórica sobre Negro Francisco, que mata o boi favorito do patrão fazendeiro para saciar o desejo da esposa grávida, de comer língua de boi. Ameaçado de morte, ele recorre a um pajé e ressuscita o boi. A encenação acontece ao som de muita música.
Entre as mais famosas e grandiosas festividades, que ocorrem várias regiões está a de Parintins, no Amazonas. Realizado anualmente no último final de semana de junho, o festival tem a disputa entre dois grupos de encenação, que representam os bois Garantido e Caprichoso.
Também muito reconhecido é o Bumba-meu-boi maranhense, que se realiza em São Luís, onde mais de cem grupos dão sua interpretação a lenda. A celebração tem diferentes etapas, que acontecem, principalmente, entre junho e julho com muita música e dança. A programação encerra-se em outubro.

+ Planejando uma festa em casa
+ Capriche na hora de escolher o buffet
+ Preparando uma festa teen

Cavalhada
Recriando os torneios medievais e batalhas das Cruzadas, a festa tem jogos e manobras com disputas de dois grupos – representando mouros e cristãos – sempre embaladas por muita música.
Repete-se por várias cidades do País, durante a Festa do Divino ou datas diversas. A cidade de Poconé (MT) realiza a festividade em junho. Em Pirenópolis (GO), acontece após o domingo de Pentecostes (50 dias depois da Páscoa). Em Campos (RJ) é celebrada em 15 de janeiro. A Cavalhada é muito comum também no Rio Grande do Sul, em cidades como Vacaria, Caçapava do Sul, Mostardas, etc.

Oktoberfest
No mês de outubro, a cidade de Blumenau (SC) torna-se o centro turístico do Estado com a realização da versão brasileira da Oktoberfest, uma festa alemã originada em 1810 pelo casamento do rei Luis I, que viria a se tornar o rei da Baviera, com a princesa Tereza, da Saxônia.
Por 18 dias a colônia alemã, de presença maciça na cidade, apresenta desfiles, danças, gastronomia e outras tradições, além de festas realizadas em pavilhões próprios, regadas a muita cerveja. O sucesso da iniciativa originou eventos semelhantes, seja em cidades próximas, como Igrejinha e Itapiranga, seja em outros Estados, como Paraná, Rio Grande do Sul e até São Paulo.

Semana Farroupilha
Tipicamente gaúcha, a celebração anual ocorre em setembro, não apenas no Rio Grande do Sul, mas também em municípios de Santa Catarina e de outros Estados para lembrar a Guerra dos Farrapos. No levante, que durou dez anos, os rebeldes proclamaram-se independentes do Império e criaram a República Rio-Grandense.
O maior símbolo da Semana Farroupilha é a Chama Crioula, que a cada ano é acesa em uma cidade diferente do Rio Grande do Sul e distribuída a todas as demais antes do início do evento, sendo extinta somente em seu encerramento.
Em Porto Alegre, a celebração é marcada pelo Acampamento Farroupilha, realizado no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho (Parque da Harmonia), onde entidades ligadas à cultura local armam barracas, chamadas de piquetes, e apresentam projetos culturais destinados a manter vivas a memória e a tradição gaúchas.
A festa normalmente se encerra em 20 de setembro, com inúmeras atrações, como desfiles, homenagens, churrascos e apresentações de cavalaria.

Religiosas
Festa do Divino Espírito Santo
Comemorada em diversas cidades de todo o País, sete semanas após o Domingo de Páscoa, no dia de Pentecostes. Com características próprias de acordo com a região, é marcada por procissões, novena, quermesse, fogos de artifício, encenações, pratos típicos, além de apresentações musicais e folclóricas.

Festas juninas
A homenagem a São Pedro, Santo Antônio e São João acontece em arraiais por todo o País, no mês de junho, e em alguns casos, também em julho.
Fogueiras, comidas típicas, a famosa quadrilha, com encenação de um casamento na roça, são reproduzidas em paróquias, escolasclubes, etc.

Folia dos Reis
Os três Reis Magos são o centro do festejo, que acontece entre o Natal e o dia 6 de janeiro, com desfiles de cantadores e músicos pelas cidades onde a folia é tradição.

Círio de Nazaré
Uma das maiores festas religiosas, o Círio de Nazaré é celebrado em Belém e outras cidades do Pará, no segundo domingo de outubro. Tem, por tradição, o translado da imagem de Nossa Senhora de Nazaré por romarias diversas e na procissão da Catedral Metropolitana até a Basílica de Nazaré. Missas, vigílias e quermesse fazem parte das atrações.

Imagem: © Jean-Jacques - Fotolia.com
x

URL



Redes Sociais

Email

x
Seu nome
Seu email
Comentário