Selecione seu local x
Pesquisar meu local atual

Artigos e Receitasver todas as matérias

Roupa suja se lava
em: Serviços e Artigos Domésticos
26/06/2015 09:00
Alguns cuidados e “manhas” são decisivos para lavar roupa sem incidentes desagradáveis e com melhor resultado.

Separação: Algumas peças (seda, linho e outras delicadas) devem ser lavadas à mão. Na máquina, faça turnos diferentes para roupas brancas – sem incluir as de tons pastel ou cinza – escuras e coloridas. Também não devem ser misturadas na mesma lavagem peças de uso pessoal e aquelas de uso doméstico (cozinha, panos de limpeza) ou roupas e cobertores de animais, que costumam conter resíduos e pelos.

Na máquina: Antes de dispor as peças de modo uniforme ao redor do agitador, esvazie os bolsos, feche zíperes e botões. Misture roupas grandes com pequenas para melhorar a circulação. Itens escuros e camisetas estampadas devem ser virados do avesso para não desbotarem.

Siga as instruções do fabricante da máquina para ajustar a temperatura, o nível da água, o ciclo e a duração de lavagem de acordo com o tipo de roupa e o grau de sujeira. Não ultrapasse a quantidade de peças indicada para cada lavagem nem exagere na quantidade de sabão, pois o excesso exige mais enxague e, portanto, mais desgaste da tonalidade.

Na mão: Realize a operação em balde ou bacia, agitando a roupa em meio à água com o sabão indicado. Itens delicados, de tecidos diferenciados ou com apliques de renda, bordados, pedrarias, etc., não devem ser torcidos ou esticados. Envolva-os em toalha para acelerar a secagem e siga as instruções da etiqueta para o processo.

Sempre: Cuidado com o costume de deixar os itens de molho por horas, pois pode desencadear manchas ou desbotamento da roupa. O procedimento só é recomendado para as peças muito sujas. Prefira aplicar um líquido pré-lavagem nas partes encardidas antes da lavagem.

Na máquina ou na mão, sempre use um pouco de amaciante no último enxague. O produto protege as fibras e facilita o trabalho de passagem da roupa.

+ Sapatos de cara nova
+ Entendendo os estofados
+ Como organizar a casa

O “pulo do gato” – dicas muito úteis

• Peças que soltam tinta devem ser lavadas com sabão neutro de boa qualidade e nunca devem ficar de molho.
• O sol funciona como um branqueador natural, excelente para secagem de roupas brancas. Peças escuras, por sua vez, devem ser estendidas à sombra para não desbotar.
• A melhor estratégia para tirar manchas de ketchup, mostarda e outros líquidos compostos por óleo é remover a substância com papel absorvente. A mancha deve, então, ser esfregada com um pano de algodão umedecido em água e detergente, antes da lavagem normal.
• Manchas de ferrugem têm maior chance de serem vencidas com aplicação de um pouco de removedor de esmaltes antes da lavagem. Atenção: não use o método em tecidos sintéticos.
• A aparentemente impossível tarefa de retirar chiclete grudado na roupa tem solução: deixe a peça no refrigerador para que a goma de mascar endureça. Depois, remova-a com o auxílio de uma espátula de plástico (ou mesmo um cartão de banco ou crédito).
• Para evitar o surgimento das desagradáveis pintinhas amareladas nas roupas guardadas – resultado da oxidação de resíduos de sujeira – capriche na lavagem e secagem da peça. Se, for ficar muito tempo sem uso, enrole as peças em fronhas de algodão.
• As irritantes bolinhas podem ser retiradas com ajuda de uma fita adesiva. A remoção da fita deve ser realizada com cuidado, vagarosamente para evitar danos aos fios.
• A roupa de lã foi para secadora e encolheu? Tente consertar o estrago lavando a peça com água gelada e xampu para cabelo. Deixe a roupa de molho por 30 minutos para que as fibras relaxem e retornem – quase – ao tamanho original.

Imagem: © Kasia Bialasiewicz - Fotolia.com
x

URL



Redes Sociais

Email

x
Seu nome
Seu email
Comentário