Selecione seu local x
Pesquisar meu local atual

Artigos e Receitasver todas as matérias

O braço direito dos chefs
em: Comendo Fora
13/06/2016 10:00
Sem um fogão prático e eficiente, a vida dos melhores cozinheiros seria um martírio.
 
Com a função de cozinhar ou esquentar os alimentos, o fogão é um eletrodoméstico essencial da casa. 
Se você precisa comprar um produto novo, o que não falta é opção. No mercado, há diversos modelos com preços e funcionalidades variadas. 
Antes de escolher o fogão, a dica é avaliar as vantagens e desvantagens de cada um e analisar quais são as suas necessidades e o espaço disponível na cozinha.

- Porque você deveria ler o manual de instruções
Quebrou, e agora? Dicas para escolher a assistência técnica e evitar dores de cabeça
- Veja alguns cuidados para que seu fogão dure mais tempo

Conheça alguns tipos e suas especificações:
• De piso: tradicional entre as famílias brasileiras, possui de quatro a seis bocas e pode vir, inclusive, com dois fornos embutidos. Por não necessitar de instalação, ele é mais fácil de ser substituído ou trocado de lugar. Em contrapartida, os modelos apresentam design simples e, se não tiverem pés altos, atrapalham na limpeza.
• De embutir: ideal para cozinhas planejadas ou para ambientes reduzidos, o fogão embutido chama a atenção pelo visual diferenciado. Da mesma forma que os de piso, ele tem de quatro a seis queimadores. O fato de ser fixo facilita a limpeza, mas também torna o item mais caro que o convencional e, na hora da substituição, exige outro com as mesmas dimensões.
• De mesa: instalado sobre uma bancada, é mais conhecido por cooktop ou dominó.  Versátil, é uma ótima saída para quem tem espaço pequeno. Fabricado em diferentes acabamentos, podem ser a gás, elétrico ou por indução e ter de uma a cinco bocas. Além de oferecer rapidez no cozimento devido às altas temperaturas, apresenta sistemas que dificultam o acendimento por crianças. A razão para ele ser mais barato do que o comum é que ele não tem forno. 
• Industrial: o fogão industrial foi desenvolvido para o preparo de grandes quantidades de comidas. Apesar de ser muito usado por restaurantes, hospitais e escolas, há opções para residências. Ele é fornecido com até oito queimadores e, normalmente, para uso com botijão de gás. Porém, existem modelos que podem ser convertidos para gás encanado. A desvantagem é seu tamanho, nem um pouco compacto. 
• A lenha: para quem tem uma área apropriada e tempo para cozinhar, uma boa alternativa é o fogão a lenha. Esta opção traz mais beleza ao local, aquece o ambiente em dias frios e ainda dá um sabor especial às refeições. Seus pontos negativos são o cozimento mais demorado que nos demais e a necessidade de armazenar lenha.
 
Novidades quentinhas
Para proporcionar mais conforto e praticidade a você, os fogões atuais estão cheios de inovações. 
O acendimento superautomático é uma delas. Ele permite ligar qualquer queimador usando apenas uma das mãos: basta girar ou apertar o botão para que o gás seja liberado e a chama se acenda automaticamente. Todavia, para quem tem crianças em casa é fundamental verificar se a peça tem trava, evitando possíveis acidentes.
Outra novidade é o grill elétrico com timer. Além de oferecer alimentos dourados e gratinados, a engenhoca desliga sozinha após soar o alarme sonoro.
O fogão com função a vapor também é um dos novos recursos. Ele permite cozinhar os alimentos sem a perda de nutrientes e preparar doces em banho-maria apenas colocando água diretamente em um dispositivo do eletrodoméstico.
 
x

URL



Redes Sociais

Email

x
Seu nome
Seu email
Comentário